Trezeguet França2 de julho de 2000, a campeã do mundo, França, encontrava a Itália, no final do Euro disputada no De Kuip, em Roterdão. Os franceses vinham de uma vitória apertada e sofrida contra os portugueses e muitos viam na Itália a possibilidade de conquistar um título internacional que há muito lhe fugia. Marco Delvecchio aproximou os transalpinos desse objetivo, com um golo aos 55 minutos, mas a história haveria de mudar.

Roger Lemerre não perdeu tempo a lançar Sylvain Wiltord no terreno de jogo, mas teve que esperar até ao minuto 90 para ver o empate chegar. Tudo para prolongamento onde os franceses, de novo a partir de um jogador saído do banco, David Trezeguet, haveria de marcar o golo decisivo. Festa azul, branca e vermelha outra vez, como há dois anos atrás, quando os gauleses conquistaram o Mundial.

Lembro-me bem. Foi um dia feliz.

Anúncios