Demasiada Alemanha

Alemanha Euro 721972 foi o ano do primeiro título alemão num Europeu de futebol, iniciando-se um ciclo ganhador que ia dar à Mannschaft também a coroa mundial, dois anos depois. 18 de junho desse ano foi data de final, disputada no Heysel  Park de Bruxelas. Depois de terem afastado a Bélgica, a equipa orientada por Helmut Schon não teve a mínima dificuldade para arrecadar a taça vencendo a União Soviética por 3-0.

Uma vez mais, Gerd Muller esteve em evidência, com dois dos três golos a levarem a assinatura do bombardeiro. O outro golo foi conseguido por Wimmer, que conseguiu desfeitear o soviético Rudakov, um dos que mais lutou para evitar a derrota, sublinhando-se as sete defesas que evitaram um resultado mais penoso.

Mas para além do instinto finalizador de Muller, esta era uma equipa que reunia dois dos melhores jogadores alemães de sempre, Franz Beckenbauer, o “Kaiser”, e Gunter Netzer, um verdadeiro poeta sobre os relvados. Impressionante ainda que, do plantel escolhido por Schon tenha saído também tanta gente com um papel tão relevante no domínio do futebol alemão na Europa. Franz Beckenbauer, Berti Vogts e Jupp Heynckes, todos com títulos relevantes enquanto treinadores, Uli Hoeness como presidente do Bayern de Munique.

Era demasiado Alemanha para qualquer concorrência.

Comentários

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.